Home Economia Fraude no Portugal 2020, a Norte com Portugal e a Galiza

Fraude no Portugal 2020, a Norte com Portugal e a Galiza

por Antonio Sousa

Mais um golpe sobre os Fundos Comunitários que foi agora apanhado pela PJ e a Guardia Civil, com uma rede de empresas portuguesas e espanholas a serem suspeita de auferirem de forma fraudulenta, mais de 20 milhões de euros procedentes de fundos comunitários, afetos ao programa Portugal 2020. 

Os investigadores consideram que as sociedades envolvidas foram criadas com o único propósito de cometer fraudes segundo a Lusa e  o El País que afirmam que estas empresas sediadas na Galiza e em Portugal desenvolviam um circuito de faturação com vista à obtenção dos referidos fundos. 

Assim, estas empresas espanholas, algumas das quais administradas por cidadãos portugueses, emitiam faturas falsas para empresas portuguesas sobre ditas atividades financiadas com fundos comunitários pelo que estão dez pessoas a ser investigadas por crimes fiscais, depois de terem sido levadas a cabo quatro buscas em Pontevedra, onde os inspetores conseguiram apreender documentos relativos a saldos e extratos bancários, declarações fiscais e comprovativos de pagamento que podem ser elementos decisivos para esclarecer a alegada fraude.

Esta alegado criminosa atividade  terá sido descoberto após uma ordem de investigação europeia, de acordo com a qual a investigação relativa ao caso começou em Portugal. 

Nessa investigação foi possível às autoridades detetarem a ligação de empresas portuguesas a entidades sediadas no sul da Galiza e porem a nu a fraude envolvida 

Antonio Sousa

Imagem destaque: Lusa 

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.