Home Direitos e Deveres A cobardia de Trump leva-o a preparar um perdão presidencial a ele mesmo, aos aliados e aos seus parentes, no último dia de mandato

A cobardia de Trump leva-o a preparar um perdão presidencial a ele mesmo, aos aliados e aos seus parentes, no último dia de mandato

por Joffre Justino

Aquele que incentivou o assalto ao Capitólio e que derrotado diz que vai prender quem fez o assalto que ele incentivou so podia como vai fazer Trump, porque PR ainda, elaborar uma extensa lista de nomes para obterem um perdão presidencial  nos últimos dias de seu governo, segundo a Bloomberg e a NY Times e claro conceder um perdão a ele mesmo.

Ao que parece o anúncio surgirá a 19  de janeiro, o último dia do governo Trump.

Aliás “A maior questão na mesa de seus assessores legais é se ele tem autoridade para perdoar a si mesmo, algo que foi levantado nas últimas semanas com pessoas de seu círculo próximo”, relatam os jornalistas Jennifer Jacobs, Justin Sink e Josh Wingrove, da Bloomberg sendo que em 2018, Trump afirmou ter poder para conceder este tipo de perdão, o que levanta sérias duvidas.

“Um autoperdão pode também trazer uma imensa carga política e afetar uma futura candidatura à Casa Branca, com seus adversários certamente apontando que isso corresponde a uma confissão de que ele poderia ser processado”, diz a reportagem. 

Perdões preventivos ao chefe de Gabinete, Mark Meadows, ao conselheiro sênior do presidente, Stephen Miller, ao chefe de pessoal, John McEntee, e ao diretor da relação com os media sociais, Dan Scavino, estão a ser estudados.

Aliás tanto a filha de Trump Ivanka Trump, como o seu marido, Jared Kushner, irão  aparecer na lista.

Kimberly Guilfoyle, ex-apresentadora da Fox News e namorada do filho mais velho Donald Trump Jr., poderá também receber um perdão presidencial tal como Albert Pirro, que trabalhou com Trump no mercado imobiliário e foi condenado por fraude fiscal, poderá ser um dos beneficiados.

E entre as celebridades que o apoiaram estão o jogador Lamar Jackson, da equipe de futebol americano Baltimore Ravens, e os rappers Lil Wayne, Lil Yacht e Kodak Black suceder o mesmo e até este último que está preso por falsificar documentos para obter uma arma de fogo será beneficiado! 

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.