Home Opinião Trump rua da Presidência dos EUA

Trump rua da Presidência dos EUA

por Joffre Justino

O Iraque mostrando o que é ser colónia dos EUA de Trump pode perder acesso às suas contas em dólares se insistir na retirada das tropas dos EUA de seu território. 

Espanto? 

Não o imperiofascismo é isto mesmo! 

Apesar  da lei que permite a Bagdad solicitar a retirada de forças estrangeiras, Donald Trump ameaçou responder com sanções e ao que parece a NATO famosa cala-se consentindo! 

A parlamentar iraquiana Majida al-Tamimi, membro do Comitê de Finanças do parlamento, disse que, caso o Iraque insista na retirada das tropas, pode perder o acesso aos seus recursos depositados em contas no banco central dos EUA.

Além disso, a parlamentar disse ainda que os EUA poderão exercer forte pressão sobre certas empresas  para que interrompam suas atividades na indústria petrolífera do Iraque e note-se que este país árabe é o segundo maior produtor mundial da OPEP.

O escandalo é haver nos EUA que nasceu de uma guerra anti colonial quem e no Departamento de Estado alerte o governo iraquiano sobre a possibilidade de bloquear seu acesso aos recursos depositados em contas nos EUA, conforme reportou a Bloomberg.

No dia 5 de janeiro, o parlamento iraquiano aprovou uma lei que autoriza o governo a pedir a retirada de forças estrangeiras do país. A medida, interpretada por muitos como dirigida aos EUA, levou Donald Trump a ameaçar Bagdá com sanções “Se eles nos pedirem para sair, e se isso não for feito de uma maneira muito amigável, iremos impor as sanções mais duras que eles já viram, que farão as sanções contra o Irã parecerem brandas”, ameaçou este presidente que envergonha as origens dos  EUA.

O bloqueio das contas do Iraque em dólares geraria uma forte desvalorização da moeda iraquiana, o dinar.

Eventualmente, o governo do Iraque teria que converter as suas transações comerciais para euros, o que demandaria longas negociações com bancos europeus, informou Tamimi.

O Iraque foi alvo de um duro embargo financeiro e comercial entre 1990 e 2003, quando os EUA depuseram Saddam Hussein.

As sanções, impostas pelo Conselho de Segurança da ONU, geraram uma das mais sérias crises humanitárias da década de noventa, e incluíram a criação de programas emergenciais como o “petróleo por alimentos”.

Nada como recordar George Washington, Abraham Lincoln, Roosevelt, ou Obama. todos PR’s dos EUA 

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.