Home Brasil Tiros no acampamento LulaLivre deixa feridos

Tiros no acampamento LulaLivre deixa feridos

por Silvio Reis

Mais 20 tiros foram disparados na madrugada de sábado, 28, e atingiu dois manifestantes do acampamento da Vigília LulaLivre, em Curitiba. De carro, o atirador atingiu o pescoço de Jeferson Lima de Menezes, que está internado. Outra integrante do movimento, de nome não revelado, ficou ferida com os estilhaços provocados pelos tiros.

Por volta das duas da madrugada houve gritos e provocações. Após os tiros, três viaturas policiais estiveram no local. Até às 11h de sábado, a Secretaria de Segurança Pública do Paraná não se manifestou sobre o atentado e a falta de policiamento no local.

Em 17 de abril, após demanda judicial, manifestantes deixaram as imediações da sede da Polícia Federal e se instalaram em um terreno indicado pela Secretaria de Segurança. Porém, não foi atendido o pedido da Coordenação da Vigília para que houvesse policiamento e viaturas na área.

Além de perseguição, o atentado tem a finalidade de inibir manifestações que vão ocorrer em Curitiba no Dia do Trabalhador, em 1º de Maio.

 

Sílvio Reis, jornalista brasileiro

1 comentário
0

RECOMENDAMOS

1 comentário

mário de carvalho 30 Abril, 2018 - 12:08

Viva o primeiro de maio no Brasil e em todo o Mundo.

Reply

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.