Home Opinião Livre Concorrência, EUA?

Livre Concorrência, EUA?

por Antonio Sousa

O estranho é  que às direitas é dificil dizer-se que há uma visão de capitalista e muito menos de mercado com este Trump estatista.

Visível tal, na decisão do Governo norte-americano que emitiu hoje uma ordem executiva que exige às empresas americanas ( e não há intervencionismo…) que obtenham licença para vender tecnologia crítica à Huawei.

Assim num golpe que se pode revelar fatal para a gigante chinesa das telecomunicações, podem os americanos trumpistas cortar o acesso da Huawei aos semicondutores fabricados nos Estados Unidos que são cruciais para a produção do seu equipamento.

A ordem executiva assinada pelo Presidente norte-americano, Donald Trump, usa o argumento que declarando uma “emergência nacional” de ameaças contra as telecomunicações dos EUA, numa decisão que autoriza o Departamento de Comércio a “proibir transações que colocam um risco inaceitável” à segurança nacional.

E lá se vai a tese da livre concorrência pois a americana Casa Branca e o Departamento de Comércio dos EUA proibiram as empresas dos EUA de usar qualquer equipamento de telecomunicações fabricado pela Huawei.

A Huawei passa assim a fazer parte da chamada Lista de Entidades do Departamento de Comércio, o que implica que as empresas norte-americanas tenham de solicitar licença para vender tecnologia à empresa, que tem sede em Shenzhen, sul da China um autentico escândalo anti Concorrência !

Foto de destaque: Jeanne Menjoulet on Visual hunt / CC BY

AS

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.