3 Fevereiro, 2023

Estrategizando

Notícias, Reflexão e Ação.

De novo os católicos, o anti fascismo e o anti colonialismo!

Deixei de ser católico quando depois de ler a Bíblia de fio a pavio, de génesis ao apocalipse descobri que,

a) ser rico era muito próximo do pecado por tender a gerar avareza e luxúria

b) que o sexo não era pecado só a fixação na vida dele;

c) que ser humilde não é aceitar tudo e,

d) que os burocratas religiosos são em geral do De novo os católicos, o anti fascismo e o anti colonialismo!

Fui ameaçado de excomunhão por um padreca das Espanhas opusdeista por defender tal num cursilho dos cursos de cristandade e desliguei apesar de me ter preocupado a sério com tão grave ameaça, aos meus 14/5 anos.

Fui recentemente criticado por interposta pessoa, desta feita não por um padreca, por ser reacionário já que criticava o abuso pelos católicos ( de Esquerda e do Centro), que está a acontecer com uma tal oficial comissão de comemoração do 25 de abril.

No texto que fiz e está no Estrategizando não crítico quem esteve na Vigília da Capela do Rato mas sim o abuso da sua utilização como o tempo de início das comemorações do 25 de abril pois antes de tal data ( e antes de uma anterior vigilia católica sobre a Paz ) temos momentos bem mais importantes como a publicação do Programa para a Democratização da República,às lutas estudantis de 62, 69, e as lutas anti coloniais de 69 até 1974 !

E além de bem mais importantes essas movimentações não branqueiam uma igreja que não foi o servir foi o esteio do regime salazarista durante 48 anos !

Houve católicos anti fascistas e anti colonialistas!? Claro que os houve mas eram uma minoria mal tratada nas instâncias do poder dessa religião !

Ponto final !

Mas claro cada um na sua e tal como quase fui excomungado por um padreca em 1964/5 não é por ser acusado de reacionário que deixo de dizer que não alinho em branqueamentos de uma igreja que nem perante graves acusações de pedofilia é capaz de se reconhecer humilde e cria comissoes para se proteger e inventar uns tristes 400 casos de pedofilia por saber que a lusa justiça se cala e consente e por assim se manter doentiamente defensor de virgindades de nojos do corpo humano ( mas no escuro da noite o usar …) e claro de ódio de si mesmo coletivo de humanos que é!

Joffre Justino