Home Europa A Hungria e a Polónia confirmam veto aos orçamentos europeus

A Hungria e a Polónia confirmam veto aos orçamentos europeus

por Joffre Justino

O húngaro Viktor Orbán alega que o fundo de recuperação europeu “serviria para criar a primazia da maioria e não do direito”, maioria que sempre o protegeu via o Partido Popular Europeu, diga-se.

E lá foram os protegidos fo PPE, os  primeiros-ministros da Hungria, Viktor Orbán, e da Polónia, Mateusz Morawiecki, confirmar o veto aos orçamentos europeus, enquanto o pagamento dos fundos comunitários estiver condicionado ao cumprimento do Estado de Direito.

“A proposta atual não é aceitável para a Hungria”, disse Orbán, após uma reunião em Budapeste com o seu homólogo polaco, acrescentando que “serviria para criar a primazia da maioria e não do direito”, como se a maioria no respeito das minorias não fosse a base da Democracia 

Morawiecki, por sua vez, acrescentou que o veto se deve ao facto de a proposta de condicionamento ter “motivação política” e pode “levar à desintegração da União Europeia”… enfim aproxima-se um novo Brexit? 

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.