Home Cidadania A ministra da Cultura lava a cara aos do sr. Ventura!? Com um tal Vitor Aguiar e Silva? Agora sabemos porque nunca receberíamos um subsidio desta ministra!

A ministra da Cultura lava a cara aos do sr. Ventura!? Com um tal Vitor Aguiar e Silva? Agora sabemos porque nunca receberíamos um subsidio desta ministra!

por Joffre Justino

E basta recordar a serie portuguesa sobre o atentado a Salazar- a Pide/DGS ( na altura PVDE ou pevide) dominava a repressão e ponto.

Na magistratura no ministério publico imaginemos em 1969 um magistrado indigitado para um processo contra estudantes anti fascistas … conseguem vê-lo sem estar a trabalhar para a Pide em Coimbra na crise de 1969!? 

E um membro da academia de Coimbra aos 30’as anos é um jovem imberbe ingénuo inocente?

Finalmente não haverá fascistas integráveis no regime democrático?

Sem dúvida depois de alvo de processo ( se merecido, como no caso, por denuncia de antifascistas) o que o regime de abril não fez para lavar a cara à casta castrense abrilista (desculpem-me os capitães de Abril que me pouparam ou 7 meses de prisão ou o exilio), ou não abrilista  e a uns tantos amigos de todos os partidos do novo regime!

Eu próprio e meu irmao fomos incomodados por um pide que queria que a minha por ser católica e prof de religião e moral como se dizia então fosse dizer a um seu processo umas palavras sobre a sua “bondade” para connosco ( por nunca ter sido violento para com a minha mãe durante a nossa prisão em Caxias, imagine-se!) e por ela questionados sobre o que deveria fazer dissemos – nós não faríamos agora a mãe aja consoante a sua consciência sabendo que iria mentir!

A nossa mãe não foi claro!

Diz esse sr Vitor, ao que parece “insigne” camoniano, que, “Contei a verdade” e ao “contar a verdade” auxiliou à expulsão da Univ. Coimbra e encaminhamento para a tropa de 50 estudantes!

Bela verdade!

Pois referirei  aqui os estudantes da Ala Liberal da SEDES com Miguel Beleza à frente que me apoiaram em Caxias frontalmente agressivos para com os guardas que vigiavam um exame sabendo esses meus colegas mais velhos e já a dar aulas no ISCEF o quão eu era agressivamente anti fascista e até em confronto eleitoral associativo contra a lista da SEDES da altura! 

Eis a diferença entre um grupo de Democratas para mim na altura “do regime” ( não o era…) porque de fora da clássica oposição e este sr Vitor Aguiar e Silva!

E o que me escandaliza não o é a atribuição do dito premio ( pobre do valdevinos vadio bissexual mas reto pensador e poeta Camões que assim o usam para lavar um pelo menos direitista pois aquela frase “contei a verdade” diz tudo..) mas sim o ver uma ministra da Cultura socialista falar em “perfil humanista” a um tal cavalheiro!

Mas enfim até Mario Soares que venero branqueou um Veiga Simão ex ministro fascista que levou a repressão à Universidade ( passei um primeiro fim-de-semana em Caxias à custa de tal…), o que me leva a dizer – sr.a ministra em nome da Cultura retire publicamente aquele “perfil humanista” a quem ajudou os que quiseram mandar 50 jovens para a mais que estupida inútil e violenta guerra colonial ! 

Mas claro por mim agora entendo o não apoio ao ESTRATEGIZANDO nesta pandemia que bloqueou publicidades aos micro e pequenos empreendedores de media ! 

Lamento mas entendo pois “humanistas” são “eles”… não nós! 

Nós somos os “violentos” os que foram contra o fascismo contra a guerra colonial contra o totalitarismo nas ex colonias, contra os santistas, angolanos, açambarcadores de milhões, deixando 66% da população de Angola com um rendimento inferior  a 2 dólares dia!

É, nós somos, felizmente os outros, grilos incómodos até no hodierno, democrático, politico, não social, não cultural e muito menos económico regime! 

Felizmente! 

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.