Home Covid-19 Covid-19 faz mais 16 mortos e 1208 novos infetados em Portugal e entre eles Cristiano Ronaldo!

Covid-19 faz mais 16 mortos e 1208 novos infetados em Portugal e entre eles Cristiano Ronaldo!

por Antonio Sousa

Portugal esta segunda-feira, teve mais 16 mortes relacionadas com a Covid-19 e 1208 novos casos de infeção com o novo coronavírus, incluindo Cristiano Ronaldo segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Portugal já registou 2110 mortes e 89 121 casos de infeção, com 32 964 casos ativos mais 643 do que no último balanço.

Estão 916 doentes internados com Covid-19, 132 dos quais em unidades de cuidados intensivos e até ao momento, 54 047 pessoas conseguiram recuperar, mais 549 desde o último balanço.

E entre os infetados como dissemos está o avançado e capitão da seleção portuguesa de futebol, Cristiano Ronaldo, testou positivo para Covid-19 e foi dispensado dos trabalhos da equipa, ficando também fora do jogo desta quarta-feira com a Suécia como referiu a Federação Portuguesa de Futebol que anuncia também que Cristiano Ronaldo “está bem, sem sintomas e em isolamento” e que  os restantes jogadores da equipa nacional testaram negativa para a infeção pelo coronavírus e vão treinar, esta tarde, na Cidade do Futebol.

A verdade é que este teste positivo de Cristiano Ronaldo é o terceiro no atual estágio da seleção, que já defrontou Espanha e França. 

Recorde-se que o primeiro caso foi o do defesa-central José Fonte, que testou positivo há uma semana e deixou o estágio em Oeiras.

Três dias depois, o guarda-redes Anthony Lopes também testava positivo, retirando-se da concentração da equipa nacional.

Cristiano Ronaldo é um de vários futebolistas internacionais da Juventus que podem ter desrespeitado as regras italianas de isolamento sanitário, o que levou as autoridades sanitárias do país a notificar a justiça.

Os internacionais deixaram Turim no início da semana passada para se juntarem às seleções, apesar da existência de um protocolo de isolamento que foi imposto no seguimento de dois casos de Covid-19 no campeão italiano.

À data, os jogadores só podiam sair da concentração do clube para treinar e jogar e estavam proibidos de contactar com outras pessoas, enquanto esperava os resultados de um segundo teste à Covid-19.

Cristiano Ronaldo, Bentancur, Cuadrado, Danilo, Dybala, Buffon e Demiral não esperaram por esses resultados e viajaram para as respetivas seleções.

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.