Home Economia Nobel ( para leilões?) da Economia para Paul R. Milgrom e Robert B. Wilson

Nobel ( para leilões?) da Economia para Paul R. Milgrom e Robert B. Wilson

por Nardia M

Bem que com esta pandemia seria mais interessante que modelizar … leilões coisa de gente muito rica ultra minoria no planeta, ao menos premiar assim um jogo popular como ‘a sueca’ ou equivalente e assim servir milhões pelo menos entre os da Lingua Portuguesa!

Mas não!

O Prémio Riksbank em Ciências Económicas beneficiará alguns minoritários desenvolvimentos na Teoria dos Leilões e em favor da criação de “novos formatos de leilões”. 

O Nobel da Economia atribuído a dois norte-americanos especialistas em leilões e apostamos que trumpistas, ( enfim exageramos…)  Paul Milgrom, 72 anos, e Robert Wilson, 83 anos, especialistas em leilões cujo trabalho inovador foi utilizado em particular para a atribuição de frequências de telecomunicações.

De acordo com o júri, o Prémio Riksbank em Ciências Económicas foi atribuído por desenvolvimentos na chamada Teoria dos Leilões e “pela criação de novos formatos de leilões”. A Real Academia das Ciências Sueca defende que os estudos de Milgrom e Wilson contribuíram para um mercado mais dinâmico. 

De acordo com o site oficial do Prémio Nobel, o trabalho de Robert Wilson tem sobretudo procurado perceber porque é os participantes de leilões tendem a colocar lances abaixo daquilo que estimam ser o verdadeiro valor do produto que está a ser leiloado. A investigação de Wilson conclui que os participantes estão constantemente preocupados com a “maldição do vencedor”, ou seja, com a possibilidade de pagarem demasiado pelo produto e, consequentemente, saírem a perder do leilão.

Paul Milgrom tem enveredado por uma análise mais abrangente do funcionamento dos leilões. A sua pesquisa observa que a receita dos leiloantes aumenta à medida que aumenta também o conhecimento que os participantes de leilões têm das estratégias de cada um. 

Ao longo dos anos, Milgrom e Wilson foram responsáveis por alterações aos formatos de leilões. Sugeriram, por exemplo, que seria possível criar leilões para participantes motivados pelo benefício social em vez da maximização da receita. Em 1994, as autoridades norte-americanas foram as primeiras a aplicar este conceito, ao vender frequências de rádio a operadores privados através de um leilão. Vários países replicaram o modelo desde então.

O Prémio Sveriges Riksbank de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel (designação ofical), criado pelo Riksbanken, o banco central sueco, em 1968, tem o valor de 9 milhões de coroas suecas, cerca de 865 mil euros. 

É, normalmente, o último prémio a ser anunciado e, este ano, será entregue, tal como os restantes, no dia 10 de Dezembro numa cerimónia que contará com um número reduzido de pessoas. 

A fundação sueca decidiu mesmo cancelar o tradicional jantar de gala em hora dos laureados.

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.