Home América Latina A Venezuela terá eleições parlamentares a 06.12.2020 !

A Venezuela terá eleições parlamentares a 06.12.2020 !

por Joffre Justino

Enquanto que o Conselho Nacional Eleitoral, CNE, da Venezuela divulgava na quarta-feira passada a realização de eleições para a Assembleia Nacional a realizar em 6 de dezembro de 2020 o Parlamento Europeu, PE, no habitual burocrático atraso das instancias UE aprovou uma resolução, na sexta-feira, pedindo que a Venezuela realize eleições presidenciais e legislativas numa resolução aprovada com 487 votos a favor, 119 contra e 79 abstenções.

Esqueceu mais uma vez o PE que o Guaidó cuja maioria “europeia” apoia anda já há três anos para convocar umas eleições, seu único ato institucional, que nunca convocou deixando claro como o que deseja é um golpe de estado com banho de sangue!

A CNE venezuelana também definiu que a campanha eleitoral ocorrerá de 21 de novembro a 5 de dezembro deste ano num anúncio feito por Indira Alfonzo, presidente da CNE, “Aprovamos por unanimidade a convocação para o processo eleitoral e o cronograma para a eleição dos deputados para o período 2021-2026. O processo eleitoral destinado a eleger a Assembléia Nacional é convocado no país para 6 de dezembro de 2020 “. 

A CNE também anunciou que estão habilitados a participar nas eleições  89 partidos com 29 nacionais, seis indígenas e 53 regionais.

O presidente Nicolás Maduro entretanto disse que “Terminamos 6 meses de grandes esforços na batalha pela saúde e na defesa da paz nacional. Agora começamos um novo semestre, garantindo todas as medidas sanitárias para a saúde da família e nos preparando para uma grande vitória eleitoral para o povo. Welcome Julio ”, escreveu na sua conta oficial no Twitter.

Já o tal o líder da oposição Juan Guaidó de um partido minoritário diga-se rejeitou veementemente o apelo eleitoral. “Os venezuelanos não reconhecem uma farsa, como não fizemos em maio de 2018. O direito de escolha tem sido a nossa luta. Escolhemos viver com dignidade e democracia, não com imposições. Informação é poder ”, escreveu na sua conta no Twitter sem explicar porque nunca convocou como era seu dever, eleições.

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.