Home América Latina Bolsonaro no Tribunal de Haia acusado de crimes contra a Humanidade

Bolsonaro no Tribunal de Haia acusado de crimes contra a Humanidade

por Nardia M

Trata-se de uma  queixa  em apresentada este passado domingo no tribunal de Haia pelos Sindicatos e Movimentos Sociais brasileiros porque o presidente fascista brasileiro ignorar até  as orientações do ministério da Saúde do Brasil no combate ao Covid-19.

Sao mais de 60 sindicatos e movimentos sociais os que entregaram no Tribunal Penal Internacional em Haia uma queixa por crimes contra a humanidade e genocídio contra Bolsonaro. 

A Rede Sindical Brasileira Unisaúde representa mais de um milhão de profissionais de saúde brasileiros que querem ver Bolsonaro condenado por incentivar comportamentos que aumentam o risco de contágio com o novo coronavírus e wue originaram já 2,419,901 infetados e 87,052 mortos por Covid-19!

Este movimento de Sindicatos e de Cidadaos associados defende que o presidente do Brasil não protegeu as minorias, originou um aumento dos casos de infeção e mortos no país, e uma pesada fatura para os serviços de saúde num país que soma já mais de 87 mil mortos vitimas do coronavírus ao rejeitar o uso de máscara ao incentivar medicamentos ineficazes e desvalorizar o isolamento social.

O secretário geral da Federação UNI Americas, afirmou este domingo que a medida é a única forma encontrada para tentar impor justiça. 

“Procurar um Tribunal Penal Internacional é uma medida drástica, mas os brasileiros enfrentam uma situação extremamente difícil”, diz Márcio Monzane.

.

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.