Home Economia A TAP e os tribalismos…

A TAP e os tribalismos…

por Joffre Justino

E ao que ela mesmo diz a TAP não tem um plano para retomar a sua atividade, que foi quase anulada  pela pandemia de covid-19, sublinhando que “há várias simulações que acomodam diversas avaliações da situação” e 

Podendo-se somente acrescentar que na sexta-feira, o Jornal de Notícias informou que a TAP ia retomar a atividade com 71 rotas a partir do aeroporto de Lisboa e três com partida do Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, o que ja deu direito a uma birra do sr Rui Moreira presidente da CMPorto…

Claro que seguindo o que se acha o segundo vice rei do norte o presidente do PSD manifestou-se contra uma eventual reativação da operação da TAP com apenas três destinos a partir do Norte.

Disse Rui Rio que tal plano transformaria a transportadora numa empresa regional, o que, defendeu, dispensaria apoios do Estado o que significa que o grupo “do engenheiro” ao fim e ao cabo é também regional… 

Também hoje, o Turismo do Porto e Norte manifestou-se “frontalmente contra” a hipótese de TAP ter apenas três voos a partir do aeroporto do Porto no pós-estado de emergência e o Sindicato dos Trabalhadores dos Transportes da Área Metropolitana do Porto (STTAMP) repudiou esta alegada intenção da companhia, considerando que tal põe em causa o relançamento da economia regional.

Assumamos que fica particularmente dificil criar planos quando o tribalismo se confunde com estratégia…

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.