Home Opinião Ex-juíza francesa anti-corrupção critica a justiça portuguesa por ter detido Rui Pinto

Ex-juíza francesa anti-corrupção critica a justiça portuguesa por ter detido Rui Pinto

por Antonio Sousa

Rui Pinto foi impedido de ajudar a acabar com a corrupção em áreas como o futebol e está detido com o Ministério Público a querer fazer dele um exemplo.

Que erro e como diz Eva July “Numa altura em que a União Europeia acaba de adotar uma diretiva para melhor proteger os whistleblowers, Portugal está a seguir um caminho errado ao tratar Rui Pinto desta forma”, sublinhou esta ex-juíza franco-norueguesa. “Enquanto Rui Pinto está preso em Portugal, procuradores de nove países – incluindo França, Bélgica, Espanha, Holanda e Reino Unido – iniciaram investigações judiciais com base nas revelações do Football Leaks”, já escreveu o Expresso.

O mesmo jornal afirmou que “enquanto Rui Pinto está preso em Portugal, procuradores de nove países — incluindo França, Bélgica, Espanha, Holanda e Reino Unido — iniciaram investigações judiciais com base nas revelações do Football Leaks. Rui Pinto tem colaborado activamente com o procurador francês, por exemplo, que até lhe ofereceu acesso ao programa francês de protecção de testemunhas”.

Vale perguntar se a justiça em Portugal quer mesmo combater a corrupção? 

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.