Home Opinião Luanda leaks causa suicídio, ou é “assunto familiar” como refere o Eurobic?

Luanda leaks causa suicídio, ou é “assunto familiar” como refere o Eurobic?

por Nardia M

Já tínhamos noticiado que o gestor de conta de Isabel dos Santos no EuroBic, Nuno Ribeiro da Cunha, tinha aparecido gravemente ferido a 7 de janeiro e hoje lamentamos noticiar que surgiu morto, na quarta-feira à noite, na zona do Restelo, em cima do dia em que foi constituído arguido em Angola. 

A informação foi divulgada pelo Jornal Económico e pelo Notícias ao Minuto junto de fonte do banco e essas noticias apresentam o caso como um suicídio. 

Segundo o EuroBic  este banco noticia ainda que “tem conhecimento de que Nuno Ribeiro da Cunha foi encontrado morto, no entanto não há nenhuma outra informação disponível, já que se trata de uma questão do âmbito familiar”, conforme o Noticias ao Minuto!

Já a Lusa, divulga qur fonte da PSP detalhou que o corpo foi encontrado na garagem e que “tudo aponta para suicídio”.

Este gestor referem os documentos do Luanda leaks foi quem assumiu a validação  das transferências da conta da Sonangol no EuroBic para o Dubai, já depois de a empresária angolana ter sido exonerada do cargo que exercia na petrolífera. 

Criminoso que tenha sido claro que qualquer morte é indesejável mas não deixamos de recordar que cerca de 60% dos angolanos vivem com rendimentos de morte isto é menos de 2 euros dia e perante os mesmos a solidariedade tem sido mínima ate porque as Pessoas recusam solidarizar-se perante um pais que teve durante 38 anos um ditador que fez uma filha sua ser a mulher mais rica de Africa à custa do OE e das empresas publicas 

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.