Home Activismo Classe contra classe de novo? Que ridículo oh gentes do Bloco de Esquerda!

Classe contra classe de novo? Que ridículo oh gentes do Bloco de Esquerda!

por Joffre Justino

Talvez reler em vez de Chico Martins, ( que também admirei e li às escondidas antes do 25 de abril nas RP’s), o velho Dimitrov!

Na verdade as guerras nas Esquerdas geraram sempre e só desastres como na Alemanha que assassinou Rosa Luxemburgo, ou os n dirigentes do PCUS que criticaram Stalin, ou na Guerra Civil de Espanha entre os conflitos inter Republicanos ( anarquistas, comunistas, socialistas) que tanto ajudaram o nazismo e o franquismo e claro em Portugal com o 28 de maio ou em menor escala felizmente com o apoio ao passospórtismo no PECIV !

Pois agora que Trump ameaça com pelo menos uma bem próxima guerra regional ( 6600 km é bem mais próximo hoje que parece…) a envolver o Iraque o Irão Israel pelo menos acham meus caros camaradas que vale o luxo de um voto contra ou uma abstenção no OE ?

E claro caros camaradas do PS uma ridicularia de um excedente previsto para o OE de 2020 que até pode ser reduzido para metade sem afetar qualquer imagem merece este dividir as Esquerdas?

O que o Povo das Esquerdas vos exige a todos  nossos representantes é que olhem à volta e assumam que um gesto de aproximação mutua pode gerar um voto, mas um ato de teimosia esse vai gerar menos 100 votos pois estamos cansados de finuras parlamentaristas ou de cedências europeistas! 

Talvez exigindo mais das Espanhas, talvez pondo os turistas a pagarem em vez de 1 uns pobres 5 euros ( para custear o acréscimo de importações de água consumida de ar poluído), talvez aplicando a taxa Tobin talvez pressionando os empresários a seguirem pelo menos o papa Francisco distribuindo um pouco mais da riqueza,… mas que raio travem esse suicidario estado de espirito imposto pelos de parte das Esquerdas liberais no PS  e pelos aprendizes de marxistas no PCP e no Bloco de Esquerda! 

Lenin escreveu um passo em frente, dois passos atras para lembrar que os radicalismos e os reformismos vivem de cabeças quadradas, não flexíveis incapazes de entender o meio ambiente onde se desenvolve a luta social 

Ora hoje o ambiente é composto de forte insegurança com lideranças globais com demasiado totalitarismo nas cabeças porque sabem que globalmente as Esquerdas estão altamente fragilizadas pois frágeis são também os movimentos sociais e confusas sao as percepções do mundo onde vivemos!

O verdadeiro drama está mesmo em nós nas Esquerdas, nos nossos parlamentarismos, na incapacidade em gerar uma economia solidaria alternativa, que sustente forças sociais reforçadas e uma atividade política eficaz limitados que estamos ou a um caritativismo cristão ou a um estatismo serôdio fora do tempo capaz de se calar perante uma RTP reacionaria … por ser “do Estado”(!) por exemplo! 
Votar contra ou abster-se neste OE ou teimar neste documento / OE/ feito biblia é tão ridículo caros camaradas!

0 comentário
1

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.