Home Opinião Brasil fará chantagem na COP25 se não receber pelo meio ambiente

Brasil fará chantagem na COP25 se não receber pelo meio ambiente

por Silvio Reis

Antes de tomar posse, Jair Bolsonaro alegou falta de recursos para o Brasil sediar a atual Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas. A COP25 foi transferida para o Chile. Conflitos no país latino levaram o evento para Madri, mas continua a presidência do Chile. De 02 a 13.12, o tema da COP 2019 é “A Hora da Mudança”.

A mudança do Brasil em relação ao meio ambiente poderá surpreender parte dos 200 países que esperados na Espanha. O ministro brasileiro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, deu entrevista ao jornal O Globo e enfatizou que o Brasil tem o direito de receber, dos países ricos, US$ 10 bilhões anuais pelo que já foi feito pelo meio ambiente até agora.

“Nós podemos planejar novas ações na área desde que aquilo que já foi feito seja remunerado. Nós não faremos como outros que, no passado, entravam nessa visão de fazer (projetos) simplesmente para ficar bonito na foto. Não. Nós vamos fazer para trazer recursos para o Brasil”, disse o ministro.

Para desenvolver novos projetos sustentáveis, Salles quer receber parte dos US$ 100 bilhões do acordo de investimento em ações de preservação ambiental, financiado pelos países ricos. A declaração foi feita em uma audiência pública na Câmara dos Deputados, em 27.10.

Se não houver o retorno financeiro proposto, o Brasil poderá sair do Acordo de Paris, que visa reduzir emissões de gases de efeito estufa em benefício do desenvolvimento sustentável. Os Estados Unidos já confirmaram a saída do Acordo. Ou Bolsonaro ganha bilhões com o meio ambiente ou seguirá o exemplo de Trump.

Imagem destaque: Foto: Alberto César Araújo / Amazônia Real

Silvio Reis, jornalista brasileiro

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.