Home Ambiente Assassinado um ecologista nas Honduras

Assassinado um ecologista nas Honduras

por Joffre Justino

O líder ecologista Milgen Idan Soto Ávila foi  assassinado  por desconhecidos no departamento hondurenho de Yoro, norte centro do país, segundo informaram no  sábado tanto a polícia como varias organizações humanitárias. 

Este também líder indígena lutava contra a exploração desregrada da floresta precisamente na zona das montanhas de Yoro. 

Soto Ávila, um indio tolupán de 29 anos lutava contra as empresas madeireiras nessas montanhas 

O corpo do ecologista  foi encontrado no sábado numa fossa clandestina numa  paragem da localidade de Locomapa. 

Víctor Fernández, líder de la ONGD  Movimiento Amplio por la Dignidad y la Justicia, MADJ, disse à agencia de noticias AFP que o crime de Soto Ávila foi ordenado por uma empresa madeireira que está a cortar 28 mil 500 arvores  nesta zona.

Soto Ávila fazia parte do MADJ, e já tinha  recebido ameaças de una empresa” pelo sei activismo contra a exploração da floresta na zona de la tribu de San Francisco Locomapa, explicou Fernández.

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.