Home Artes Andamento na Alameda

Andamento na Alameda

por Mafalda Gomes

A primeira edição do festival de música portuguesa “Andamento” decorreu hoje na Alameda D. Afonso Henriques. O festival organizado pela RTP teve música durante 12 horas seguidas. 

Xana Toc Toc, BMRNG, Dillaz, Selma Uamusse, Salvador Sobral, António Zambujo e Pedro Abrunhosa foram os artistas escolhidos para representar diferentes gerações, estilos musicais, e narrativas sociais.  

Na parte da manhã, a Alameda encheu-se de famíliase crianças que queriam ouvir a Xana Toc Toc, artista famosa no público infantil. Depois pode-se ouvir BMRNG, o projecto vencedor do concurso ‘La Banda’. Á tarde, foi a vez de Dillaz, o artista escolhido para representar o hip-hop nacional, e de Selma Uamusse, a voz de muitos sítios, e de muitos estilos. O concerto de Salvador Sobral, que de certa maneira é um símbolo da RTP, fez a Alameda encher. Depois António Zambujo, representante do fado contemporâneo, deu as boas vindas à noite. O concerto final foi o de Pedro Abrunhosa e o Comité Caviar, que celebrou os 25 anos do seu primeiro álbum Viagens, um marco na história da música portuguesa. 

O objectivo do festival era trazer a RTP à rua, mostrar todo o conteúdo musical reproduzido neste universo (televisivo ou radiofónico), e concretizar de outra forma o sentido de serviço público.  

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.