Home Ambiente A vigília pela Amazónia e os 16 dias de silêncio da comunicação “oficial” social

A vigília pela Amazónia e os 16 dias de silêncio da comunicação “oficial” social

por José Elias Ramalho

Terminar com o silêncio da comunicação social sobre os incêndios na Amazónia foi o propósito da vigília pela Amazónia que foi organizada pela Eco Roots na praça dos Restauradores entre as 22h00 e 00h30 do passado dia 23 de Agosto de 2019.

Foi necessário todo um movimento de vídeos com imagens monstruosas que passou sobretudo na rede social facebook para que este facto planetário fosse abordado pela comunicação “oficial” social após 16 dias de ausência de notícias acerca dos incêndios na Amazónia.

A vigília decorreu de forma pacífica tranquila com diversas intervenções de activistas presentes, de várias nacionalidades, e de diferentes opções politicas, o que ainda valoriza mais esta causa comum que é a defesa do Pulmão do Planeta terra.

Um outro facto que se destaca pela negativa e que deve levar-nos a uma profunda reflexão acerca do silêncio “oficial “ da comunicação social sobre a catástrofe planetária que tem sido os últimos 19 dias com a Amazónia arder.

Segundo Sandra Barbosa da Eco Roots, “ Para os nosso co-cidadãos do Brasil acima de tudo, que não percam força, não percam a vontade de lutar, nós estamos aqui torcer por vocês, e a fazer tudo aquilo que podemos, com uma sensação de impotência enorme por não poder fazer mais, para todos outros que estão volta não se calem, divulguem, divulguem, divulguem, não é só Amazónia que está arder, neste momento a Sibéria esta arder precisamente á 3 meses, e o que está acontecer é extremamente grave, passa por cada um de nós esta mudança, é necessário mudar de hábitos, mas, também é necessário não calemos e que façamos ouvir-nos.”

Para conhecer a Carta aberta da Eco Roots consulte aqui o link

José Elias Ramalho

0 comentário
1

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.