Home Opinião Num único dia, Judiciário brasileiro acumula quatro vergonhas