Home Política Álvaro Amaro diz que é “absolutamente compatível” ser eurodeputado e arguido ( basta ser de direita para poder, claro!)