Home Opinião Estratégia: Moro vai ao Senado antes do novo “julgamento” de Lula

Estratégia: Moro vai ao Senado antes do novo “julgamento” de Lula

por Silvio Reis

Depois da divulgação das três reportagens do jornal The Intercept Brasil, que  revelaram conversas comprometedoras entre o ex-juiz Sérgio Moro e o coordenador da Lava Jato, Deltan Dallangnol,  cinco ministros do Supremo Tribunal Federal, STF, se reuniram em 11.06 para analisar Habeas Corpus (HC) de Lula. 

Advogados do ex-presidente argumentam que Lula não teve direito a um julgamento imparcial e independente. É reivindicada a nulidade do processo, a inocência e liberdade de Lula.

Na sessão do STF desta terça-feira ficou decidido que 11 ministros do STF, e não apenas cinco, vão analisar a prisão automática de réus após a condenação em segunda instância, que resultou na prisão de Lula. A data prevista é 25.06.

Com esse prazo, Sérgio Moro ganhou tempo e irá se explicar no Senado em 19.06 sobre as denúncias do Intercept. Até essa data, o ministro poderá ter ainda mais apoio de congressistas e do governo. Hoje, o ex-juiz da Lava Jato se reuniu no Senado com lideranças de três partidos.

Na Câmara dos Deputados, cinco partidos de oposição ao governo querem uma Comissão Parlamentar de Inquérito, CPI, para investigar as denúncias divulgadas pelo jornal. A greve geral de sexta-feira, 14.06, poderá alterar as estratégias de defesa de  Moro.

Não é convincente o argumento de que a Lava Jato prendeu políticos de vários partidos, e não só do PT. Espera-se que o ex-juiz justifique a falta de cumprimento do artigo 129 da Constituição (que determina ação penal na forma da lei), o artigo 95 (que proíbe juízes de terem atividade político-partidária) e o artigo 254 do Código de Processo Penal (aconselhar qualquer uma das partes envolvidas).

No Twitter, aliados de Bolsonaro e Moro defendem que seguir a “rigidez”  Constituição e do Código de Processo Penal é atitude da Esquerda.

Imagem destaque: capa do livro “O Espetáculo da Corrução”, do advogado Walfrido Warde.

Silvio Reis, jornalista brasileiro

0 comentário
1

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.