Home CPLP O Turismo e a BTL

O Turismo e a BTL

por Antonio Sousa

A Bolsa de Turismo de Lisboa, BTL começa hoje para os profissionais do setor, abrindo ao público na sexta-feira à tarde e até domingo, na FIL.

Irao passar mais de 70 mil visitantes, segundo a organização por este maior evento turístico em Portugal a diretora Fátima Vila Maior, disse à Lusa que, esta edição “será a maior de sempre”.

A BTL volta a ter este ano os quatro pavilhões da feira, o que já não acontecia há mais de quatro anos e a diretora da BTL esperar que “cerca de 70 mil visitantes” viessem a passar pela feira este ano, um número que, ainda assim, diz agora acreditar possa ser ultrapassado.

Fátima Vila Maior referiu ainda considerar “interessante” o facto de “cada vez mais” esta feira ter “empresas ligadas ao setor do turismo não necessariamente dos segmentos do transporte e do alojamento”, mas de “várias áreas, sobretudo, que acabam por constituir o pacote de oferta turística”.

No espaço da FIL, o pavilhão um abre com Lisboa, o destino nacional convidado na edição de 2019, e conta com as restantes regiões de Portugal (Alentejo, Algarve, Norte, Centro, Açores e Madeira).

O pavilhão dois está reservada para o Seixal, o município convidado deste ano, o qual tem procurado desenvolver a vertente turística, promovendo a baía integrada no estuário do Tejo e a extensa frente ribeirinha.

Ainda neste pavilhão, além da BTL cultural – uma estreia em parceria com a Fundação Calouste Gulbenkian, que conta com a participação de outras organizações culturais, como a Fundação Serralves, o MAAT, a Fundação Berardo e o Centro Cultural de Belém – e dos outros municípios, estará também localizada a animação turística e a gastronomia.

No pavilhão três vai estar localizada a BTL LAB, que representa a inovação no turismo e dá a conhecer 40 ‘startups’.

Por fim, no pavilhão quatro encontram-se as agências de viagens e destinos internacionais, destacando-se algumas novidades como Goa – que este ano vem diretamente (a Índia já costumava estar presente) ou as Seychelles, por exemplo. Macau é o destino internacional convidado.

Foto de destaque: LUSA

AS

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.