Home Arquitetura Terminal de Cruzeiros de Lisboa finalista do prémio de arquitetura contemporânea da UE Mies Van der Rohe

Terminal de Cruzeiros de Lisboa finalista do prémio de arquitetura contemporânea da UE Mies Van der Rohe

por Nardia M

Depois do projeto do arquiteto português Álvaro Siza Vieira para o antigo Banco Borges e Irmão, em Vila do Conde ter sido distinguido na primeira edição do prémio, em 1988 este ano o projeto do Terminal de Cruzeiros de Lisboa, do arquiteto português João Luís Carrilho da Graça, é um dos 40 finalistas do Prémio de Arquitetura Contemporânea da União Europeia Mies van der Rohe, anunciou hoje a organização.

Aliás um projeto liderado pela arquiteta portuguesa Alexandra Sobral  projeto para o edifício do Centro Arvo Pärt, em Talin, na Estónia, também está entre os finalistas numa decisão da Comissão Europeia e da Fundação Mies van der Rohe, que atribuem o galardão, com um júri composto por Dorte Mandrup, George Arbid, Angelika Fitz, ȘtefanGhenciulescu, Kamiel Klaasse, María Langarita e Frank McDonald tendo estado  nomeados a este dos mais importantes prémios mundiais de arquitetura 383 projetos, entre eles 17 eram portugueses.

O projeto de Carrilho da Graça é a única infraestrutura nomeada, estando perante candidatos como a praça Skanderberg, em Tirana, na Albânia, que juntou arquitetos de três países na sua autoria, ou a Casa da Música de Innsbruck, na Áustria, a Desert City, em Madrid, e o Museu de Artes de Nantes, em França.

O prémio, bienal e que distingue projetos de arquitetura construídos nos dois anos que precedem a sua atribuição no valor de 60 mil euros, foi instituído em 1987 pela Comissão Europeia e pela Fundação Mies van der Rohe, com sede em Barcelona, é considerado um dos galardões de maior prestígio na área da arquitetura.

O prémio toma o nome do arquiteto de origem alemã Mies van der Rohe, que dirigiu a escola Bauhaus, fundada há cem anos, na Alemanha, e que se fixou nos Estados Unidos depois da tomada do poder pelas forças nazis, na Alemanha, em 1933.

Foto de destaque:

Nardia M.

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.