Home Artes Arte Tumular Medieval Portuguesa IV

Arte Tumular Medieval Portuguesa IV

por Mario Carvalho

D.DINIS

D.Dinis (1261 – 1325 ) é o sexto Rei da dinastia de Borgonha.

Na noite escreve um seu cantar de amigo

O plantador de naus a haver09

E ouve um silêncio murmuro consigo :

É um rumor dos pinhais que,como um trigo

De império,ondulam sem se puder ver .

 

Arroio ,esse cantar ,jovem e puro,

Busca o oceano por achar ;

E fala dos pinhais , marulho obscuro,

É o som presente desse mar futuro

É a voz da terra ansiando pelo mar

(in “mensagem” Fernando Pessoa )

Era assim que Pessoa via o” plantador de naus a haver” e via ainda mais do Rei que nos pôs  a falar,a ler, a escrever e a pensar em português . Pessoa sugere mesmo que Portugal só começa a existir no reinado  do homem que,num passo de génio,funda a Ordem de Cristo em Portugal,em substituição da Ordem dos Templários caída em desgraça por Filipe –  o Belo (1268 – 1314 ) e também pelo Papa Clemente V ( 1264 – 1314 )

É do avô materno, Afonso X – o Sábio ( 1221 – 1284 ) que D. Dinis vai herdar em boa hora, o gosto pelas letras, passando mais tarde este saber  aos filhos naturais Pedro Afonso e Afonso Sanches, também eles Trovadores.

 

Mário de Carvalho

0 comentário
0

RECOMENDAMOS

Comente

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e gestão de seus dados por este site.